Primeiros Socorros Choque elétrico

Primeiros Socorros – Choque elétrico

Com o passar de alguns minutos as chances de salvamento da vítima de choque elétrico vão diminuindo, algumas pesquisas relacionam as chances de salvamento em função do tempo decorrido do choque aparentemente mortal. De acordo com a tabela a seguir, aguardar à assistência médica para socorrer a vítima é praticamente assumir a morte, desta forma devem ser aplicadas as técnicas de primeiros socorros pela pessoa que esteja nas proximidades do local.

Chances de Salvamento

Tempo após o choque p/ iniciar respiração artificial
Chances de reanimação da vítima
1 minuto
95 %
2 minutos
90 %
3 minutos
75 %
4 minutos
50 %
5 minutos
25 %
6 minutos
1 %
8 minutos
0,5 %

No intervalo de 4 minutos a pessoa que está com parada cardíaca ou respiratória pode sofrer morte cerebral, neste caso é importante que o profissional que trabalha com eletricidade esteja apto a prestar primeiros socorros, principalmente através de técnicas de reanimação cárdio-respiratória.

Método da respiração artificial “Hoger e Nielsen”, para reanimação de vítimas de choque elétrico

Nos casos em que a respiração natural é interrompida, a respiração artificial deverá ser aplicada. O método que consiste em um conjunto de manobras mecânicas em que o ar é forçado, em determinado ritmo a entrar e sair alternadamente dos pulmões é chamado de Holger e Nielsen.

Veja abaixo as instruções para aplicação do método Hoger e Nielsen:

Primeiramente antes de tocar o corpo da vítima, é necessário livra lá da corrente elétrica com segurança o mais rápido possível, nunca utilizando as mãos, objetos molhados ou metálicos para afastar um fio ou interromper um circuito elétrico.

Caso seja necessário mover a vítima, nunca a movimente mais do que o adequado.

Para aplicar o método Hoger e Nielsen, é necessário verificar se a vítima respira, em caso negativo, a respiração artificial pode ser iniciada.

Para que as chances de salvamento sejam maiores, a vítima deve ser socorrida o mais rápido possível.

Para as demais tarefas, e também para possibilitar o revezamento dos operadores, chame imediatamente um médico ou uma pessoa que possa oferecer auxílio.

Quando a respiração artificial for iniciada, procure examinar a boca da vítima, para retirar dentaduras, alimentos, palitos, ou quaisquer outros objetos que podem atrapalhar o processo, examine também a garganta e as narinas.

Caso a língua esteja enrolada, desenrole, em caso de dificuldades para abrir a boca da vítima, não perca tempo, dê inicio ao método o mais rápido possível, deixando essa tarefa a cargo de outra pessoa.

Desaperte as peças de roupas que apertem o peito, pescoço ou abdômen da vítima.

Para deixar a vítima aquecida, agasalhe-a, mas para não prejudicar a aplicação da respiração artificial, outra pessoa deve ser encarregada dessa tarefa.

Nunca interrompa a respiração artificial. Caso haja a necessidade da vítima ser movimentada, a aplicação deve ser continuada.

Enquanto estiver aplicando o método Hoger Nielsen, sua atenção não deve ser destraída com outras tarefas, encarregue outras pessoas de executa-las.

O tempo de aplicação do método é indeterminado e pode atingir 5 horas ou mais, enquanto houver calor no corpo da vítima e ela não apresentar rigidez cadavérica, ainda há possibilidade de salvamento.

O revezamento de pessoas durante a aplicação deve ser feito com cuidado, de modo a não atrapalhar ou alterar o ritmo da respiração artificial.

Ao iniciar a respiração natural, o ritmo da respiração artificial deve ser adequado com a natural.
Após a recuperação da vítima, ela deve ser agasalhada e mantida em repouso, não permitindo que se levante ou se sente, mesmo que para isso precise usar força, não lhe de beber, a fim de evitar que se engasgue, após a recuperação total da vítima, pode dar lhe então café ou chá quente.

Enquanto a vítima não estiver respirando normalmente, não aplique nenhum tipo de injeção. Esta medida deverá ser aplicada em qualquer caso de colapso respiratório, como no caso de afogamentos ou intoxicação por gases venenosos.

A morte é aparente em quase todos os casos de acidente por choque elétrico, por isso a vítima deve ser socorrida rapidamente.

Método da salvamento artificial Hoger e Nielsen para reanimação de vítimas

1 – Deite a vítima de bruços com a cabeça voltada para um dos lados e a face apoiada sobre uma das mãos tendo o cuidado de manter a boca da vítima sempre livre.

2 – Ajoelhe se junto à cabeça da vítima e coloque as palmas das mãos exatamente nas costas abaixo dos ombros com os polegares se tocando ligeiramente.

3 – Em seguida lentamente transfira o peso do seu corpo para os braços esticados, até que estes fiquem em posição vertical, exercendo pressão firme sobre o tórax.

4 – Deite o corpo para trás, deixando as mãos escorregarem pelos braços da vítima até um pouco acima dos seus cotovelos; segure os com firmeza e continue jogando o corpo para trás, levante os braços da vítima até que sinta resistência: abaixe os então até a posição inicial, completando o ciclo, repita a operação no ritmo de 10 a 12 vezes por minuto.

Método da respiração artificial boca – a – boca

A vítima deve ser deitada de costas com os braços estendidos.
Coloque a mão na nuca da vítima e a outra na testa, incline a cabeça do acidentado para trás.
Para evitar a saída de ar, aperte o nariz com o polegar.
Encha os pulmões de ar.
Cubra a boca da vítima com a sua boca, para que o ar não possa sair.
Sopre até ver o peito erguer se.
Solte as narinas e afaste os seus lábios da boca da vítima para deixar o ar sair.
A ação deve ser repetida de 13 a 16 vezes por minuto.
Aplique este método até a vítima conseguir respirar por si própria.

primeiros socorros

Após aplicar a respiração artificial no período de 1 minuto, e a vítima não apresentar sinais de vida, pode ter ocorrido um caso de Parada cardíaca.

Existem dois processos para verificar se ocorreu Parada Cardíaca.

Levante cuidadosamente a pálpebra de um dos olhos da vítima para verificar a pupila, se contrair, o coração está funcionando, caso contrário, se a pupilar continuar dilatada, é sinal de que houve uma parada cardíaca.

Pressione levemente com as pontas dos dedos médio e indicador a carótida, localizada no pescoço, junto ao pomo de Adão, o gógó.

Ocorrendo a Parada Cardíaca

A massagem cardíaca e a respiração artificial devem ser aplicadas rapidamente. A massagem deve ser aplicada no coração. Pressione o centro do Tórax para abaixa-lo de 3 a 4 cm, somente uma parte da mão deve fazer pressão, os dedos devem ficar levantados do Tórax.

A operação deve ser repetida até a chegada do socorro mais especializado, com 15 massagens cardíacas e 2 respirações artificiais.

primeiros socorros parada cardiaca

Faça aqui na Engehall o mais completo Curso de NR10 online do Brasil.

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *