Instalação de energia solar: formação, mercado e salários

 

Nos últimos anos, aumentou o interesse em fontes de energia renovável, especialmente a energia solar. Dessa forma, a demanda por profissionais especializados em instalação de energia solar tem crescido, gerando excelentes oportunidades no mercado de trabalho. 

Continue lendo e você vai saber tudo o que é necessário para   se tornar um instalador de energia solar. Além de conhecer o mercado atual e os salários oferecidos nessa área.

 

O que faz um instalador de energia solar?

Em suma, o instalador de energia solar, também  conhecido como instalador fotovoltaico, é um profissional que realiza a instalação de sistemas de energia solar em residências e comércios. Ele é responsável por transportar o projeto fotovoltaico do papel para a vida real. Além disso, garante que todo o  sistema  funcione corretamente e em conformidade com as normas de segurança.

 

Em primeiro lugar, o trabalho começa com a montagem da estrutura de sustentação das placas solares. Elas devem estar corretamente niveladas e fixadas no telhado do estabelecimento. Em seguida, as placas solares são alinhadas e fixadas. Depois disso, o instalador trabalha na instalação da parte elétrica do sistema, conectando as placas solares ao inversor e à rede elétrica.

 

O instalador também é responsável pela programação do inversor, que é o dispositivo que converte a energia gerada pelas placas solares em energia utilizável. Além disso, ele deve realizar o comissionamento e a identificação do sistema.

 

Atualmente, a maioria dos instaladores fotovoltaicos trabalha apenas na instalação dos sistemas. Mas é ele também deve estar preparado os cuidados de manutenção dos sistemas fotovoltaicos ao longo do tempo. 

 

Em resumo, as funções de um instalador de energia solar incluem:

Montagem da estrutura de sustentação:

O instalador é responsável pela montagem da estrutura de sustentação que acomoda o conjunto de placas solares. A placa deve estar devidamente nivelada e fixada no telhado do estabelecimento.

 

Instalação da parte elétrica do sistema:

Além da montagem da estrutura, o instalador realiza  a instalação da parte elétrica do sistema.

 

Programação do inversor:

O instalador também é responsável pela programação do inversor, assim como o comissionamento e identificação do sistema.

 

Qual é o salário de um instalador de energia solar?

A profissão de instalador fotovoltaico tem se destacado cada vez mais no mercado de energia solar. Ao obter a certificação, o profissional pode trabalhar em empresas de instalação, ou atuar como profissional autônomo. 

 

A média de ganhos está entre R$1.000,00 à R$3.000,00. O valor pode variar conforme a qualificação do profissional e da região em que presta serviços. 

Além de trabalhar para empresas de instalação, o instalador qualificado pode optar por abrir o seu próprio empreendimento, como uma franquia de energia solar ou até mesmo uma empresa de instalação de sistemas fotovoltaicos na sua região. Sendo o seu próprio patrão, é possível obter um lucro líquido de, no mínimo, R$ 2 mil, com apenas uma instalação em uma única residência.

 

Em resumo, o salário de um instalador de painéis solares pode variar bastante, mas a qualificação e experiência podem aumentar significativamente os ganhos desse profissional. Além disso, empreender no setor de energia solar pode ser uma excelente oportunidade para quem deseja ter seu próprio negócio e obter lucros mais expressivos.

 

O que é necessário para ser instalador de energia solar?

Para ser um instalador de energia solar é necessário ter conhecimentos técnicos específicos e treinamento em instalação de sistemas fotovoltaicos. Geralmente, isso é obtido por meio de cursos profissionalizantes, que podem variar de algumas semanas a alguns meses de duração, dependendo do nível de conhecimento prévio do aluno.

 

Os cursos podem ser oferecidos por instituições de ensino, associações de profissionais ou empresas especializadas em energia solar. 

 

Além disso, muitas empresas exigem que seus instaladores possuam certificações específicas para realizar as instalações, como a certificação do Programa de Certificação de Instaladores da Associação Brasileira de Energia Solar Fotovoltaica (ABSOLAR).

 

Outro exemplo é o curso NR 35, que é obrigatório para profissionais que trabalham em altura, incluindo instaladores de energia solar. Essa norma regulamentadora foi criada pelo Ministério do Trabalho e Emprego (MTE) para garantir a segurança dos trabalhadores que realizam atividades em altura, acima de dois metros do chão.

 

O objetivo do curso NR 35 é capacitar os profissionais para identificar os riscos associados ao trabalho em altura, bem como implementar medidas de segurança para prevenir acidentes. 

 

Portanto, para ser um instalador de energia solar, é fundamental que o profissional tenha conhecimento sobre a NR 35 e possua a certificação para realizar trabalhos em altura. 

 

Também é importante destacar que o conhecimento técnico e a certificação são apenas uma parte do que é necessário para ser um bom instalador de energia solar. Habilidades como trabalho em equipe, boa comunicação com os clientes e capacidade de resolução de problemas são essenciais para oferecer um serviço de qualidade e obter sucesso no mercado.

 

Dicas para começar na carreira de instalador fotovoltaico

Se você está pensando em começar na carreira de instalador de energia solar, confira algumas dicas que podem ser úteis para você:

 

  • Busque a formação adequada: como mencionamos anteriormente, é importante buscar cursos específicos para se tornar um instalador de energia solar e estar sempre atualizado com as últimas tecnologias e tendências da indústria.
  • Adquira experiência prática: procure oportunidades de trabalho em empresas do ramo para ganhar experiência prática.
  • Invista em boas ferramentas: é importante ter as ferramentas adequadas para o trabalho de instalação, portanto invista em boas ferramentas para garantir que o trabalho seja realizado de forma segura e eficiente.
  • Construa uma rede de contatos: participe de eventos do setor, por exemplo. Isso pode ajudá-lo a construir uma rede de contatos úteis para a sua nova carreira.

 

Uma carreira que pode ajudar o meio-ambiente

Conforme você viu,  a instalação de energia solar é uma área em constante crescimento, impulsionada pelo aumento da demanda por fontes de energia limpa e renovável. 

 

Para se tornar um instalador de energia solar, é necessário buscar formação e qualificação adequadas, além de estar atualizado com as normas e regulamentações do setor. Com um mercado em expansão e a crescente preocupação com o meio ambiente, a instalação de energia solar apresenta oportunidades promissoras para profissionais em busca de uma carreira na área. 

 

Além disso, os salários oferecidos costumam ser atrativos, tornando essa uma opção bastante interessante para aqueles que buscam uma remuneração adequada e, ao mesmo tempo, um trabalho que possa contribuir para um futuro mais sustentável.

Adquira com 20% de desconto: Curso de NR10 Engehall
E conheça nosso curso NR35, Trabalho em Altura.

Picture of Marlon Pascoal

Marlon Pascoal

Instrutor de Normas Regulamentadoras
Engenheiro Eletricista/Segurança do Trabalho
Crea: 172.438/D MG

VAI PERDER?

NR10 BÁSICO

R$ 275,00

R$ 185,00

Fazer Matrícula agora