Esse MEDIDOR INTELIGENTE deveria ESTAR em TODOS os QUADROS de DISTRIBUIÇÃO

Baixe o App – https://ift.tt/2RJozSw

AULA GRATUITA: Como Fazer Uma Instalação Elétrica Completa do Zero, Com Facilidade, Mesmo que Você Não Seja Um Eletricista Profissional: https://ift.tt/2NfYSdH

👉 Conheça o Curso Gratuito de Eletricista da Engehall Elétrica:
⚡ https://goo.gl/X7uPUz

——
👉 Conheça o Curso de Comandos Elétricos da Sala da Elétrica:
⚡https://goo.gl/Jns9f2

Inscreva-se em nosso canal: https://goo.gl/txZzEE

👉 Olha, estamos aqui:

⚡ Facebook: https://goo.gl/XhJBpx
⚡ Twitter: https://goo.gl/0Xyr7F
⚡ Youtube: https://goo.gl/txZzEE
⚡ Pinterest: https://goo.gl/Z6tqXU
⚡ Linkedin: https://goo.gl/9Qztp2
⚡ Blog do Eletricista: https://goo.gl/DBDRRe
⚡ Instagram: https://goo.gl/xufvgn

——
👉 Curso NR10 com 20% de desconto:

⚡ https://goo.gl/F5khB9

——

TOP VÍDEOS

👉 Câmeras de Segurança, INSTALAÇÃO SUPER FÁCIL 🔧
https://www.youtube.com/watch?v=95gmu…

👉 O SEGREDO de uma EMENDA PERFEITA – Super Fácil 🔧
https://www.youtube.com/watch?v=MEuWq…

O QUE ACONTECE SE VOCÊ PLUGAR UM PEN DRIVE NA TOMADA?
https://youtu.be/WOMAfZ43B9k

Engehall Elétrica

——

Os SmartMeters (ou medidores inteligente) são equipamentos que coletam informações que são úteis no monitoramento do sistema fotovoltaico. Porém, podem surgir dúvidas ao fazer sua instalação.

1. Escolher ponto de instalação do medidor no circuito

Para instalar o medidor inteligente é preciso, antes de todo o processo, definir em que ponto do circuito ele será instalado. É necessário ter em mente quais são as informações que se deseja obter e, então escolher entre três pontos de instalação principais: Geração, Consumo e GRID.

Geração:
Para monitorar a geração de energia usando o medidor inteligente, ele deve ser instalado no ponto do circuito entre o(s) inversor(es) e o quadro de distribuição do circuito.

Consumo:
Se o objetivo é monitorar o quanto está sendo consumido, devemos constatar se o circuito possui ou não geração de energia. Caso o circuito não tenha geração, a instalação do medidor pode ser feita entre o disjuntor geral e o quadro de distribuição.

Em caso de circuitos onde existe geração de energia, o medidor deve ser instalado entre a(s) carga(s) e o quadro de distribuição. Porém, neste caso, a instalação do medidor para monitorar o consumo pode ser muito complicada de se fazer na prática, porque na maioria das instalações entram vários circuitos no quadro de distribuição dividindo as cargas, deixando uma tarefa difícil de unir todas essas cargas em um único ramo para fazer a medição.

GRID:
Para se medir a energia exportada e importada da rede, devemos instalar o medidor entre o disjuntor geral da instalação e o quadro de distribuição, obtendo a mesma medição que o próprio medidor da concessionária.

2. Conheça o circuito

Após saber em que ponto o medidor será instalado, é essencial conhecer o circuito elétrico no qual ele será inserido. Ao conhecer o circuito, é importante observar e analisar algumas características da instalação, como:

Escolha a corrente dos TC’s
O TC (Transformador de corrente) é um enrolamento metálico que tem a finalidade de transformar correntes altas em correntes mais baixas de forma proporcional.

Os TC’s são mais precisos quando fazem a transformação de correntes mais próximas da sua corrente nominal. Portanto, opte por TC’s que tenham a corrente nominal o mais próxima possível da corrente do disjuntor geral da instalação. Essa corrente nominal deve ser sempre maior do que a corrente do disjuntor geral.

O circuito é Monofásico, Bifásico ou Trifásico?
Verifique se o circuito é monofásico, bifásico ou trifásico. A quantidade de TC’s necessários na instalação é igual a quantidade de fases nesse circuito. Para evitar adquirir TC’s adicionais, é sempre importante confirmar essa informação.

Defina o espaço de posicionamento dos TC’s
Os TC’s vão ser usados pelo medidor na medição de corrente e precisam ser posicionados em cada fase do circuito, como se estivessem “abraçando” cada uma das fases. Portanto, deve ser localizado um ponto em cada fase que tenha espaço para que os TC’s sejam colocados na instalação (lembrando que todos os TC’s devem medir o mesmo ponto do circuito).

Verifique a bitola do fio
Como os TC’s precisarão “abraçar” os fios da instalação, é importante saber se o TC utilizado terá uma abertura suficiente para a bitola dos fios. Os TC’s sempre comportam no mínimo a bitola padrão para sua corrente nominal segundo a tabela AWG, porém, em muitas instalações esse padrão não é respeitado, por isso há necessidade de conferência. Você pode solicitar ao fabricante as medidas do TC para conferir.