Energia elétrica gerada por vírus inofensivo

Foi criado por cientistas dos Estados Unidos, na Universidade de Berkeley, um tipo de vírus inofensivo que pode gerar energia elétrica quando submetido à pressão.

Utilizando o vírus M13 que não causa danos aos seres humanos, o objetivo é criar uma tecnologia de menor custo e que não prejudique o meio ambiente, diferente de outros produtos que geram eletricidade, que quando submetidos a pressão mecânica utilizam elementos tóxicos, além de possuírem custos elevados.

Essa tecnologia pode recarregar um celular a partir da sola de um sapato com M13, enquanto uma pessoa caminha. Desta forma, com a característica do vírus de se multiplicar rapidamente, sempre existirá carga elétrica. Além disso, o M13 tem disposição para organizar-se em redes lineares, facilitando o mecanismo de captação de energia elétrica.

Não podemos comparar o conforto da tomada de uma casa com a tecnologia utilizada com o vírus M13, mas de acordo com os cientistas o aprimoramento genético pode criar novas gerações do vírus e gerar mais energia. Já foi realizado um teste com a tecnologia e constatado que uma organização com 20 camadas de vírus gera energia suficiente para alimentar um sensor e ligar uma tela de LCD.

*Fonte: http://goo.gl/dqdQZ

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta