Choque Elétrico

A energia e a corrente elétrica

A existência de energia elétrica é possível a partir da passagem de uma corrente elétrica por um corpo que exerce resistência a essa passagem. A corrente é definida pelo fluxo ordenado de partículas portadoras de carga elétrica ou pelo deslocamento de cargas dentro de um condutor, quando existe a diferença de potencial elétrico entre as extremidades.

Essa diferença existe pela resistência que o corpo oferece à passagem de energia. É necessário que a eletricidade tenha um caminho a seguir, passando do maior potencial, para o menor potencial. Observamos no caminho da corrente a resistência exercida pelo corpo, como ela está entre o ponto de contato com a fonte de energia e o ponto de escape, existe a diferença de potencial necessária para a passagem. Quanto maior a diferença de potencial, maior tende a ser a corrente elétrica e com isso o choque também é maior.

Representação do percurso da corrente elétrica pelo corpo humano.

corrente-eletrica
Fonte: http://www.feelt.ufu.br/pastas/Eletrotecnica_e_Instalacoes_domiciliares/eidchoque.pdf

O choque elétrico

O choque elétrico acontece quando a corrente elétrica passa pelo corpo, ou por parte do corpo, de uma pessoa. Ele é uma espécie de perturbação acidental, de natureza e efeitos diversos, que se manifesta no organismo humano quando percorrido por uma corrente elétrica.

No choque elétrico o corpo exerce a resistência à passagem da corrente e sofre os efeitos da passagem. Na maioria das vezes, a diferença de potencial está entre os pés – que estão em contato com a terra e servem como escoamento da corrente – e o ponto que entra em contato com o aparelho ou fio elétrico.

A resistência do corpo apresenta variações entre as pessoas, também em relação às condições da pele – quando molhada a resistência é menor – e pelo caminho da corrente no corpo. Isso afeta o resultado do choque. Os danos causados pelo choque possuem uma relação maior com a corrente elétrica e a resistência exercida pelo corpo do que com a voltagem, mesmo em baixas voltagens podem ocorrer choques que levem a óbito.

A passagem da corrente pelo corpo de uma pessoa pode causar desde um pequeno susto até o óbito da pessoa, passando por efeitos como queimaduras e prejuízo de funcionamento de órgãos.

Gravidade do choque elétrico

Vários fatores influenciam a gravidade do choque elétrico, os principais estão listados abaixo:

• Percurso da corrente elétrica pelo corpo humano.
• Intensidade da corrente elétrica.
• Tipo da corrente elétrica (alternada ou contínua).
• Frequência da corrente elétrica.
• Tempo de duração do choque elétrico.
• Área de contato do choque elétrico.
• Pressão do contato.
• Espraiamento da corrente pelo corpo humano.
• Condições da pele do corpo humano.
– Seca
– Úmida
– Molhada
– Imersa
• Constituição física do indivíduo.
• Estado de saúde do indivíduo.
• Presença de dispositivos auxiliares de vida como marca passos, próteses metálicas etc.

efeito-da-corrente-eletrica
Gráfico: Efeito da corrente elétrica em pessoas adultas jovens e sadias.
Fonte: IEC 60479-1 – adaptado

Veja mais em : Choque Elétrico

 

NR 10 a norma que proteje a sua vida!

1 responder

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *