DPS tem que SER SEMPRE após o DISJUNTOR GERAL???

Afinal, o DPS realmente tem que SER SEMPRE instalado após o DISJUNTOR GERAL do QDC ou não, posso instalar antes do geral?

Chegamos a mais um episódio da nossa série Pica o Pé no Pica Fio!

 

O assunto de hoje é baseado em uma pergunta muito interessante. Será que eu posso instalar o DPS antes do disjuntor geral do meu QDC? Ou realmente é obrigatório o DPS ser instalado depois do disjuntor geral?

Então, isso é uma dúvida técnica né?

E quando temos dúvidas sobre como fazer uma instalação, onde devemos procurar as respostas?

Vamos ver o que a NBR5410, a bíblia sagrada do eletricista, cita a respeito.

O item 6.3.5.2.5 da NBR-5410 é o item que aborda sobre Falha do DPS e proteção contra sobrecorrentes.

E o que cita este item? “A possibilidade de falha interna, fazendo com que o DPS entre em curto-circuito, impõe a necessidade de dispositivo de proteção contra sobrecorrentes, para eliminar tal curto-circuito”.

Bom, aqui vemos uma obrigatoriedade: O DPS precisa ser protegido por um disjuntor justamente para que em caso de algum problema interno no DPS, ele não venha a causar problemas no QDC. Como por exemplo, um curto circuito interno, resumindo, se o DPS falhar, ele não pode afetar a instalação.

“O que pode causar problemas no DPS?”

Bom, meu querido, as principais causas dos problemas no DPS podem ser:

1 - Na ocorrência de um surto, a corrente deste surto for bem acima da capacidade que o DPS suporta, por exemplo um DPS de 20kA, receber um surto de 60kA, tudo bem que é erro de dimensionamento, mas pode acontecer sim.
2 - Usar um DPS na tensão errada, tipo, a rede é monofásica 220V e tá lá um DPS de 175V, isso é coisa de pica fio, mas já peguei instalações assim.
3 - O varistor que é a peça principal do DPS, chegar ao fim da vida útil, isso é mais raro de causar um problema, mas vale a pena ressaltar aqui..

Bom, pra se proteger contra essas falhas logicamente a norma recomenda as melhores formas de instalar, são 3 opções de instalação do DPS.

 Formas certas de instalar DPS

Nesta primeira opção, reparem que existe um disjuntor de proteção exclusivo para o DPS. Neste caso, caso aconteça algum problema no DPS, ele irá desarmar o disjuntor e a instalação continuará a funcionar.

Já na segunda opção, a proteção do DPS é feita pelo disjuntor de geral da instalação. Este tipo de instalação é a mais utilizada pelos eletricistas, só que aí vem o detalhe, pode ser tanto o disjuntor geral do QDC, quanto o disjuntor geral do QM.

Mas, é justamente nesta segunda opção que surgiu a dúvida deste vídeo.

Vocês concordam comigo que o disjuntor do padrão de entrada é uma proteção geral da instalação? Que no caso de um curto circuito, ele também pode atuar e proteger o DPS?

Se eu instalar o DPS antes do disjuntor geral do QDC, o disjuntor do padrão de entrada, vai cumprir o papel de proteção do DPS exigido na norma! Isso falando de instalações mais simples ok, quando temos mais de 1 QDC no mesmo padrão, a conversa muda, mas é coisa boba!

Adquira com 20% de desconto: Curso de NR10 Engehall

E conheça nosso curso NR35, Trabalho em Altura. 

Escrito por: Eduardo Miranda dos Santos

Aprenda os 3 Pilares para se tornar Eletricista, agora mesmo
e de forma 100% grátis.
CURSO-GRATIS

SIM! Eu quero realizar o Curso
de Eletricista Gratuito

© TODOS OS DIREITOS RESERVADOS À ENGEHALL – Curso NR10 Online.

chevron-down